Boca seca: o que é e como se trata

Boca seca

Boca seca, secura da boca ou xerostomia são nomes diferentes para o mesmo problema: a falta de saliva. Este problema de higiene oral afeta maioritariamente os adultos mais velhos e os seniores, e tem de ser eficazmente tratado para evitar problemas de dentes e doenças de gengivas.

O que é?

A xerostomia é uma perturbação da boca caracterizada pela insuficiência da saliva, o que acaba por provocar uma elevada secura da boca. A saliva é fundamental para eliminar os resíduos alimentares da boca e para reduzir a placa bacteriana dos dentes, uma vez que tem um papel importante na neutralização desses ácidos. A falta de saliva resulta em xerostomia, o que torna a boca mais suscetível a infeções, cáries, mau hálito, gengivite, apodrecimento dos dentes e outras doenças orais. Para além disso, a xerostomia tem ainda outros sintomas: pode dificultar o ato de falar e de comer (principalmente engolir), provocar garganta áspera e voz rouca, sensação de calor na boca e vias nasais secas.

Principais causas

Um problema frequente nos adultos mais velhos e nos idosos, a xerostomia pode revelar-se um sintoma de uma doença específica (síndrome de Sjögren, síndrome de Lambert-Eaton, diabetes…) ou então um efeito secundário de algum tipo de medicação. Alguns dos medicamentos cujos efeitos secundários podem resultar na secura da boca incluem: anti-histamínicos, descongestionantes, antidepressivos, diuréticos, relaxantes musculares, medicamentos para a dor, para a incontinência, para controlar a tensão arterial e para tratar a doença de Parkinson’s. Muitas vezes, a secura da boca é uma consequência do processo natural de envelhecimento, mas também pode estar associada a níveis elevados de ansiedade, falta de hidratação, respiração excessiva pela boca ou ser um efeito do tratamento de radioterapia.

Como tratar?

Se pensa que pode estar a sofrer de xerostomia, marque uma consulta com o seu dentista, que lhe poderá prescrever um tratamento de substituição de saliva. Embora não exista uma cura para a xerostomia, o seu tratamento visa o alívio dos sintomas a ela associadas e assegurar, acima de tudo, uma boa saúde oral. Entretanto, mastigar chicletes e/ou rebuçados sem açúcar pode trazer algum alívio temporário.

A sua votação: 
Sem votos